• HOME
  • Cases
  • PUBLICIDADE 100% NA GLOBO PARA ATRAIR PACIENTES E POSICIONAR MARCA DE HOSPITAL

HOSPITAL SANTA ROSA

PUBLICIDADE 100% NA GLOBO PARA ATRAIR PACIENTES E POSICIONAR MARCA DE HOSPITAL

“Conseguimos bater a meta de aumento de pacientes em consulta, com elevação de 20% no faturamento em todo o período da campanha”, diz anunciante

  • Data:
    Agosto de 2019
  • Setor:
    Saúde
  • Objetivo:
    Ampliar atendimentos e posicionar marca
  • Mercado:
    Cuiabá e região (MT)
  • Solução:
    Mídia 100% na TV Centro América
  • Resultado:
    Aumento do faturamento e branding e posicionamento da marca

Aumentamos também o nosso market share fora da capital”

 

José Ricardo, do Grupo Santa Rosa

O objetivo do Hospital Santa Rosa era aumentar  o número de atendimento e posicionar a sua marca na região metropolitana de Cuiabá (MT), explica José Ricardo de Mello, diretor-presidente da instituição de saúde.

Para isso, em parceria com a ZF Comunicação, concentrou a totalidade dos seus investimentos publicitários na TV Centro América Cuiabá e desenhou um plano de mídia de elevada frequência em toda a grade de programação da Globo entre novembro e abril, como garantia de alto impacto e cobertura.

“Na campanha, aliando um leve toque de humor a muita informação, mostramos a qualidade e prêmios de excelência do hospital”, explica José Ricardo. “Em todas as cenas, havia sempre a figura representativa do médico nos momentos de atendimento. Em outro filme, de cunho humorístico, fazíamos comparações de escolhas.”

Ele festeja os bons resultados da campanha: “Conseguimos bater a meta de aumento de pacientes em consulta, com elevação de 20% no faturamento em todo o período da campanha”, informa. “Aumentamos também o nosso market share fora da capital com grande participação e interesse dos pacientes na região metropolitana de Cuiabá. É um resultado acima do esperado, com aumento dos números de faturamento e branding, bem como posicionamento da marca em relação à concorrência.”

O Hospital Santa Rosa foi fundado em 1997. É a primeira instituição do Mato Grosso a realizar transplantes renais, ósseos autólogos, cirurgias de Parkinson, cirurgia transapical, ablação hepática por radiofrequência guiada por tomografia computadorizada em sala híbrida e perfusão isolada de membros.